• Facebook Clean
  • Instagram Clean

Homeopatia: tem que saber armazenar

January 3, 2015

by Sylvia Angélico | Nov 10, 2014 | Blog, Homeopatia, Medicinas Holísticas 

 

Você sabia que o simples ato de deixar o frasco de homeopatia próximo do computador ou televisor pode prejudicar o efeito da medicação? Pois é. Com homeopatia, não basta saber usar. É preciso também guardar o remédio da forma correta.  

 

Os cuidados especiais com o armazenamento já começam no trajeto da farmácia à sua casa. Por estarmos falando de um medicamento vibracional, energético, temos que ficar atentos a interferências sobre suas frequências e amplitudes de onda que podem prejudicar a ação do remédio. Nunca coloque o medicamento dentro da bolsa se o seu celular estiver lá. Equipamentos eletrônicos emitem ondas eletromagnéticas que alteram o efeito desejado e o máximo poder de cura da homeopatia.

 

Ao transportar um frasco, no caso de viagens ou traslados, use uma latinha – é a melhor forma de proteger a medicação dos RX de aeroportos. Nas viagens de carro de longa duração, é melhor armazenar os frascos em sacolas térmicas, caixas de madeira ou isopor, protegendo o remédio do sol e do calor do porta-luvas.

 

Chegando em casa, escolha um local seguro para armazenar o frasco. Nada de deixá-lo próximo do computador, sobre a geladeira, microondas, perto da televisão ou rádio. Também não coloque dentro da geladeira sob nenhuma hipótese.

 

Mantenha a homeopatia longe de ambientes que exalam odores e aromas fortes como armários de remédios e de condimentos. Produtos canforados, mentolados ou que contenham salicilato de metila não devem ser usados em conjunto, pois anulam o efeito dos medicamentos homeopáticos. O uso de canforados como Vick Vaporub, Transpulmim, géis, pomadas, adesivos e emplastos para dor muscular que tenham cânfora e mentol na sua composição deve ser evitado por todos os membros da família (humana e peluda) enquanto o tratamento homeopático estiver em curso. Pode parecer exagero, mas não é! E interfere na boa evolução do caso. Isso não quer dizer que você está proibido de chupar balas de menta ou chicletes. Mas não manipule a homeopatia com uma bala na boca!

 

O mesmo alerta serve para alimentos muito condimentados, com ervas aromáticas e especiarias. Algumas dessas plantinhas contêm compostos canforados e mentolados e é melhor não servi-las próximo ao horário de se medicar. Também mantenha o frasco do medicamento homeopático afastado das ervas e especiarias.

 

Outro importante cuidado com o medicamento homeopático é quanto à forma de administrá-lo. Quando a homeopatia estiver na forma líquida, pingue-a diretamente na boca sem deixar encostar o conta-gotas na língua e gengiva para evitar a contaminação. Encostou? Ferva a parte de vidro do conta-gotas por alguns minutos antes de devolvê-la ao frasco.

 

Se estiver administrando homeopatia em glóbulos despeje as bolinhas na tampa do próprio frasco sem colocar a mão no bocal e entorne a tampa diretamente na boca do paciente. Você também pode adicionar os glóbulos ou gotas em um pouquinho de água e então administrar o líquido na boca.

 

O melhor efeito da homeopatia se dá quando ela entra diretamente em contato com a mucosa oral, ou quando é diluída em um pouquinho de água. Deixe para misturar a homeopatia aos alimentos em último caso. E jamais a alimentos quentes.

 É isso!

E viva a homeopatia, a vitalidade e a integralidade!

Please reload

Destaque

Como o Pilates pode ajudar na perda de peso

May 4, 2015

1/2
Please reload

Últimos Posts

22 Jul 2015

Please reload

Please reload